Geralmente falamos que todas as pessoas são capazes de degustar ou analisar sensorialmente um vinho. A não ser que você tenha alguma deficiência para perceber aromas ou gostos, nada o impede de aprender a técnica e realizar cada um dos passos [análises visual, olfativa e gustativa].

Degustar pode ser algo relativamente fácil ou também bastante difícil, tudo depende das nossas pretensões. Enquanto uns preferem trabalhar com uma simples degustação para verificar o gosto pelo vinho, outros partem para uma análise com o objetivo de qualificar a bebida.

Clique aqui para ler a nova coluna Sommelier  na íntegra e veja o que o profissional Mario Leonardi tem a dizer sobre os dois principais tipos de degustação.


Comentários

Deixe seu comentário


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha