Já que o post anterior trouxe nada menos que quatro musas russas do tênis, resolvemos então continuar com o que é bom. Afinal, como dizem, melhor não trocar o certo pelo duvidoso.

É hora de dar um tempo no stress e conferir como a Rússia lava seus aviões.



(Créditos vão para o site Spike.com)




Comentários

Deixe seu comentário


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha