De acordo com um pesquisador sexual alemão, chamado Werner Habermehl, os que são ativos sexualmente estimulam o cérebro e aumentam o QI.

Habermehl chegou à conclusão da seguinte forma: comparou um grupo de jovens universitários que praticavam sexo com regularidade, com outro grupo de adolescentes da mesma idade que não transavam.

Ele descobriu que os que faziam sexo com frequência registravam atividade cerebral mais intensa do que os outros. Habermehl acredita que os hormônios cortisol e adrenalina, produzidos durante o sexo, estimulam o cérebro e nos torna mais inteligentes.

Outro estudo feito por pesquisadores da Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, afirma que atividade sexual faz o cérebro crescer. Num experimento envolvendo ratos, foram testados três diferentes grupos: ratos machos adultos que fizeram sexo diariamente por duas semanas; ratos que fizeram sexo somente uma vez no mesmo período; e ratos que não fizeram sexo nenhuma vez.

Os resultados mostraram que os animais que tiveram alguma atividade sexual, quando comparados com ratos virgens, sofreram acréscimo no número de neurônios no hipocampo – região do cérebro relacionada à memória.

Isso é que é novidade boa! Ao invés de ficar só nos livros, que tal procurar o quarto?





Comentários

fernando antunes escreveu em 29/09/2010
que e verdade amiga voçe ten sempre b ideias beijos
cetico_da _silva escreveu em 31/10/2010
tá bom... então Mahmoud Wael egipcio de 11 anos (QI 155 que agora trabalha pra microsoft) é um deus do sexo, certo????????????????????????????????????????

Deixe seu comentário


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha