créditos: Bella da Semana

MSN parte 2 - Na memória

A Infraero informa: o vôo 1109 procedente de... São Paulo... já esta em solo.


...


-  Oieeeeeeeeeee! Que saudadeeeeeeeee!

-  Bah, guria, nem me fala! Tava morrendo de saudade de ti! (sussurro: gostosa!)

-  Hahaha! Até que tu também não ta tão mal assim! E ai? Muitas aventuras no caminho pra casa?

-   Pois é, não sei, ta muito cansada da viagem?

-  Que??? Não me conhece mais, pessoa? A viagem foi ótima, dormi de NY até aqui, já tô pronta pra aprontar por aqui...

-  Ah, essa é a prima que eu conheço! E que eu adoro!!! Bem humorada e safada desde pequenininha...

 

... Já no carro...

 

-  Então, tinha pensado em te levar praquele motel que tem aqui perto, no caminho...

-  Adorei o "tinha pensado". Tenho certeza que tu teve uma idéia melhor do que essa.

-  Elementar, minha cara Ste! Tive uma idéia bem melhor depois desse lapso de lugar comum! Lembra de como era bom quando a gente ia pra fazenda do Nono, lá em Feliz?

-  Noooossaaaaa! Difícil de esquecer, né Fabinho?

-  Pois é, um amigo meu comprou um sítio aqui perto... e eu pensei que a gente podia relembrar algumas coisas da adolescência...

-  Hahahahaha! Jura??? Tem montinhos de feno no estábulo???

-  Tem!!!

-  Hahahahahahaha! Puta que pariu, a criatividade é de família mesmo!!! É por isso que eu sempre vou te amar, Fabinho! Bah, to me lembrando daquela vez que a gente subiu no pé de goiaba e eu fiquei te provocando...

-  Bah.. tu era muito sacana! Lembra que tu subia no galho mais alto pra eu ver a tua calcinha? Safada...

-  Mas é evidente que eu lembro... e lembro da tua carinha meio assustada, achando que não era de propósito... tadinho... tão novinho!

-  É... não era exatamente de assustado a minha cara, mas tudo bem. Quantos anos a gente tinha? 11?

-  Não lembro... 12, acho. Ah, e aquela vez que eu coloquei uma blusinha que caía a alça, lembra?

-  Bah... guria, tu me judiava! Lembro de cada detalhe do primeiro dia que a alcinha caiu. Lembro de cada detalhe do teu peitinho...

-  Pois é, naquela época ainda era peitinho, né?

-  Que? Peitinho é modo de dizer. Acho que o teu peito já era quase desse tamanho.

-  Jura?? Isso eu não lembrava com detalhes...

-  Pois é... eu lembro. Lembro do biquinho, durinho, cor de rosa...Mas sabe qual é o melhor momento de toda a minha infância? Aliás, talvez seja o melhor da minha vida.

-  Qual? O da cachoeira?

-  Bahhhhhh... o que foi aquilo?

-  Qual das vezes? A que eu fui de camiseta branca ou a que eu tirei tudo?

-  Hahaha! Todas as vezes!!! A da camiseta branca marcou mais, né? Foi a primeira... mas aquela de calcinha branca também foi do caralho! A vez que tu tirou a roupa já foi diferente, né? Já tinha rolado, eu já sabia o que tu queria...

-  Ah, é... mas foi bem legal também, ne?

-  Nossa, eu lembro de cada detalhe como se tivesse acontecido em câmera lenta. A gente já tinha uns 19, 20, né?

-  Sim... Foi a primeira vez que rolou tudo... 

-  Lembro de cada movimento. Primeiro tu tirou a blusa, bem como se fosse normal... Quando eu vi aquele peitão todo eu nem acreditei...

-  Mas não era a primeira vez que tu vias...

-  Não, mas era a primeira vez que tu tiravas a blusa na minha frente, de dia, como se não fosse nada. Fazia tempo que a gente não se via, tu já tava morando fora.

-  Ah, é mesmo... E o que mais tu lembras?

-  Que tu não usavas sutiã. Hahaha!

-  Ai, é mesmo, sempre detestei...

-  E aí tu foi abrindo o shortinho, como se não fosse nada...

-  Ah, eu tava morando na Europa, lembra? Todo mundo ficava pelado com naturalidade...

-  Ah, pára! Tu sabia que eu tava enlouquecendo e tirou pra me provocar, que eu sei.

-  Ta... hahaha!

-  Aí eu vi aquela calcinha... nossa, nunca vou esquecer daquela calcinha... branquinha, de algodão, pequeninha... e aí tu foi entrando na água. Eu nem pensei, tirei a roupa muito depressa e fui me atirando na água também.

-  Nossa, foi muito bom!!! Tu já tavas bem... crescidinho! Hahaha! E eu aproveitei cada pedacinho...

-  Pedação!

-  Hahaha! Ta, pedação. Graaaande. Grosso...

-  Mas eu lembro do teu cabelo molhado nas tuas costas... e da tua banda perfeita mergulhando... com aquela mini calcinha branca... nossa, que tesão!!!

-  Mas eu tirei a calcinha, lembra?

-  Mas claaaaaaro. Tu mergulhou pra longe de mim, riu com uma cara de safada e tirou a calcinha em baixo da água. Eu não tinha certeza do que tu tavas fazendo até que eu vi a calcinha balançando na tua mão... parecia uma bandeirinha. Nossa, achei que meu pau ia partir no meio de tão duro que ficou...

-  Hahaha! É... foi boa aquela.

-  Boa??? Lembra o que tu fez depois?

-  Acho que não...

-  O que? Tu começou a mergulhar com aquela bunda perfeita pra cima, sem calcinha.

-  Ah, é mesmo. E eu ia fugindo de ti, né?

-  Nossa, rolou uma mega competição de natação. Mas eu te alcancei.

-  Alcançou... disso eu lembro bem...

-  Lembra?

-  Lembro que tu me agarrou com força em baixo da água e me deu o beijo mais desesperado da vida! Hahaha!

-  E o que mais?

-  E que depois tu me carregou praquela pedra bem em baixo da cachoeira.

-  É... aí eu fiquei te olhando... a água caindo forte em cima do teu peito e escorrendo por todo o teu corpo, ai, delícia!!!

-  Ai, Fabinho, não sei se consigo segurar até o sítio... to ficando louca aqui...

-  Calma, calma, tamo chegando. Aqui tem muito movimento...

-  Aiiiiii... falta muito, Papai Smurf? Hahaha!

-  É aqui à direita já, ó.

 

Continua...


Stephany


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha