créditos: Bella da Semana

Strip-poker - a nova mania das meninas para encarar dias chuvosos

Ai, meus amados! Como eu adoro picolé. A gente fica lambendo e sempre vem um gostinho diferente na boca, já perceberam? Sem contar que aquele "geladinho" dá um friozinho na garganta tão gostoso...refresca até a alma da gente. Quer me conquistar? Então, me dá um picolé. Bom, mas o papo hoje é diferente. A história dessa semana vai tentar ilustrar para vocês uma mesa de jogo durante um final de semana chuvoso em que quatro amigas se reuniram para fazer sacanagem. Sem querer deixar ninguém com água na boca (risos), mas sacanagem entre mulheres é muito mais divertido, sabe? A gente não tem pudor, se toca, se beija, se sente e fica nisso o dia inteiro se deixar. Mas, a brincadeira de sábado foi "streap-poker" - nem preciso explicar como o jogo terminou. No fim todas já estavam entregando as fichas só para poder brincar mais rápido com o restante das meninas perdedoras. Subimos todas nuas sob a mesa e ficamos amontoadas tentando descobrir de quem era o mamilo de quem ou então se a fulana sabia de quem era o clitóris que estava pegando..., enfim, ficamos sentido o gosto uma da outra durante muito tempo. Mas a gente ria muito, e muito alto. Enão demorou para que um vizinho chato viesse atrapalhar. Eu já estava com muito ódio de ter sido interrompida e por isso abri a porta do jeitinho que eu estava mesmo - nua. - Posso saber o que o senhor tá querendo aqui? - Falei para o homem com mais ou menos 56 anos de idade. - Que isso, menina! Vá se vestir! - Ei, garotas! Venham aqui mostrar pro senhor o que ele acabou de interromper. E para desespero do homem, aparecem 4 mulheres nuas e se tocando em frente a porta da sala. - Ô tio! Ta precisando relaxar. Entra aqui e vem brincar de streap-poker com a gente, vem? Estamos mesmo precisando de um brinquedinho novo porque a Stephy ta muito braba e acabou quebrando o dela. - dizia Maíra, uma morena linda de olhos azuis e seios fartos, rindo e puxando o homem para dentro enquanto a mulherada impiedosa o despia. O sorriso do homem ia de orelha à orelha e tratou de alisar todas as meninas que podia. Fizemos ele jogar deixando sempre que ganhasse, para que assim levasse o prêmio maior: serviço completo nas quatro. E lá foi o tiozão, preparando cada uma em um ambiente da sala para poder aproveitar a premiação das quatro formas que ele tinha direito. E sabe que o homem foi criativo, mesmo? Adorei ele ter amarrado meus braços com as cortinas da sala enquanto me apoiava de joelhos da mesa de centro. Rapidamente ele brincava comigo fazendo com que meu bumbum rebolasse bem na frente do seu rosto, enquanto ficava olhando as meninas se ocupando e aguardando a sua vez. Com a Maíra ele foi mais carinhoso. Beijava seus seios como se comesse morangos bem doces. Maíra me deixou louca com a expressão em sua face que fui obrigada a dividi-la por alguns instantes com o vizinho. As meninas até se sentiram ofendidas quando o homem foi "literalmente" dispensado e convidei Maíra para dormir lá em casa. E em meio a filmes, pipoca e vinho...sexo, libido e suor. Um dia eu conto mais para vocês sobre a Maíra...

Stephany


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Edições Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha