créditos: Getty Images

Sentimentalismo masculino

Os homens vivem dizendo que as mulheres são sentimentais, só querem relacionamento baseados em conversa e precisam chorar sempre. Mas existem muitos homens que são mais sensíveis que as mulheres neste ponto. E olha que, quando isso acontece, o homem geralmente é muito mais sentimental que a mulher!

Talvez a indiferença de alguns homens naquelas horas em que precisamos conversar nos torne ainda mais carentes e com mais necessidade de falar. Vira um círculo vicioso, onde um fala demais e o outro fica literalmente de saco cheio. Aí começam as discussões, depois vêm as brigas, e assim vai piorando. Seria tão mais fácil se os homens fossem um pouco mais espertos nessa hora e escutassem um pouquinho... Faria toda a diferença, pois não haveria esse estresse deixado por um assunto mal acabado.

Por outro lado, existem mulheres mais práticas e objetivas, que conversam, resolvem e fim de papo! Estas muitas vezes deixam os homens um pouco assustados e podem até ser o motivo que justifica o fim de uma relação não consolidada.  Então, chega a vez dos homens serem sentimentais. Afinal, nada além da insegurança nos deixa mais necessitados de desabafo, colo e conversa.

Até acertar direitinho os ponteiros de uma relação, é quase impossível não haver esse desnível de quem é mais sentimental. Engraçado é que algumas relações são cíclicas: uma hora a mulher é mais chorona, depois o homem é mais sensível, depois a mulher fica novamente frágil, e assim por diante. Bom seria se todos tivessem consciência disso, antes de acabar com um relacionamento muitas vezes feliz e completo por causa do sentimentalismo excessivo.

A melhor coisa a se fazer é sempre se colocar no lugar do parceiro. Se você estivesse inseguro, com dúvidas em relação a algum assunto, também não estaria fazendo perguntas? Se alguns fantasmas estivessem assombrando a sua mente, você tentaria conversar com sua amada sobre o assunto ou deixaria passar, acumulando tudo para outra hora (que pode virar o estopim para finalizar algo)?

A frieza ajuda a avaliar isso. Pense que um dia vai ser você quem vai precisar falar. Então, não custa nada escutar um pouco (mesmo que seja chato e repetitivo). Um relacionamento é feito de trocas e, assim, você verá como é bom quando precisar conversar e sua namorada lhe escutar até as últimas palavras. Vale a pena tentar!



Mariana Goulart


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha