créditos: Bella da Semana

Barriga

Tenho recebido vários e-mails de pessoas me perguntando como fazer para eliminar a tão indesejada barriguinha. Os relatos são os mais variados e as técnicas utilizadas para se livrar dela são desde as mais absurdas até as mais perigosas. Começo dizendo que, exercícios abdominais não diminuem barriga e nunca diminuíram. Isto se trata de um mito, uma inverdade. No nosso organismo existem pontos que são mais propensos ao acúmulo de gordura. É onde se encontra o maior número de adipósitos que, nada mais são que células aonde as gorduras são depositadas, armazenadas pelo organismo. Com o passar dos anos, as pessoas que são relaxadas com o seu corpo, tendem a assumir a forma de frutas. É isto mesmo, frutas. O homem assume o formato de uma maça. As pernas ficam mais finas em relação ao tronco e o tronco fica arredondado. Já as mulheres assumem o formato de uma pêra. Os ombros ficam mais finos em relação ao quadril que, por sua vez, fica bastante avantajado. A gordura armazenada funciona como uma reserva do organismo que somente tende a ser utilizada quando outros recursos energéticos estão esgotados no organismo. Cada grama de gordura produz nove calorias. Para que estas calorias sejam utilizadas como fonte energética deve haver um desequilíbrio calórico, ou seja, seu corpo deve gastar mais calorias do que você consome. Isto deve ser todo dia e de forma gradativa. Regimes radicais são encarados pelo organismo como uma doença. O organismo baixa o metabolismo e economiza gordura ao máximo. O individuo começa a perder massa magra, ou seja, massa muscular enquanto a gordura permanece. O correto é aliar exercícios físicos com uma alimentação equilibrada com todos os nutrientes. Assim irá ocorrer o déficit calórico e suas gorduras irão ser "queimadas", utilizadas como fonte de energia aonde quer que elas estejam. Portanto, não existe a queima de gordura seletiva. Essa história de regime da sopa, regime do líquido, da Lua, da alface é uma agressão ao organismo que entra em estado de alerta. O que deve ser feito é uma reeducação alimentar que seja utilizada para o resto da vida, não somente numa fase dela. No próximo artigo darei algumas dicas para uma reeducação alimentar. Cuide do seu corpo, ele é o seu maior patrimônio.

Flavio Sobierajski


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha