créditos: Bella da Semana

Reeducação Alimentar

Neste artigo irei apresentar uma orientação para a promoção de uma reeducação alimentar que, se seguida, proporcionará resultados positivos tanto na qualidade de vida como a nível estético. Salientando que, para uma dieta específica, personalizada e para se iniciar a ingesta de suplementos, deve-se procurar um profissional da área da nutrição, nutricionista ou nutrólogo. Uma reeducação alimentar abrange muito mais do que o simples controle da ingesta alimentar. A compulsão por comida, muitas vezes, pode estar atrelada a problemas emocionais que deverão ser diagnosticados e tratados. A reeducação alimentar não é regime. É, na verdade, resgatar o verdadeiro sentido da alimentação que é nutrir. Hoje em dia, mais do que nutrir, a alimentação virou uma fonte de prazer, que é muito bem explorada pela industria alimentícia que, por sua vez, não está preocupada em nutrir os indivíduos, mas sim, torna-los fieis consumidores de seus produtos. A seguir os passos para a reeducação alimentar. 1- Faça de 5 a 6 refeições por dia. Café da manhã, lanche, almoço, lanche, jantar e ceia. No café da manhã procure ingerir frutas, cereais, pão integral; o lanche matinal e vespertino poderá ser uma fruta, suco ou sanduíche leve; no almoço ingira salada variada, algum alimento rico em carboidrato (arroz, macarrão, batata), carne, peixe ou frango; no jantar não consuma alimentos ricos em carboidratos, sendo ideal é uma salada sem tubérculos (cenoura, beterraba, rabanete ou qualquer tipo de raiz) e uma fonte de proteína animal (carne, peixe ou frango). O peixe, por ser mais saudável e não conter toxinas nem hormônios é a opção mais recomendada; a ceia, se necessária, poderá ser um copo de leite. 2- Optar por versões lights e diets é a garantia de uma menor ingesta calórica. 3- Evite a ingesta de líquidos durante as refeições. 4- Nunca compense refeições comendo tudo de uma só vez 5- Alimente-se sempre de forma tranqüila, bem sentado, esqueça os problemas, concentre-se na alimentação mastigando bem os alimentos. Evite ambientes agitados, conversas desagradáveis e nunca em frente da televisão. 6- Nunca coma até sentir-se completamente "cheio". Saia da mesa sentido que poderia ter comido mais. 7- Evite ao máximo doces, refrigerantes, bebidas alcoólicas e alimentos muito elaborados. Evite até mesmo ter estes alimentos em casa. O que não é visto não é cobiçado. 8- Beba bastante água nos intervalos entre as refeições. Tome de 2 a 3 litros de água por dia. 9- Uma vez por semana saia da rotina. Neste dia coma da forma que você quiser e os alimentos "proibidos" como doces, refrigerantes, bebidas alcoólicas. Tudo com certa moderação e somente neste dia. Este dia serve para que o sucesso da reeducação seja garantido, por isso não deve ser ignorado. Este dia tira da cabeça aquele fantasma do "nunca mais poderei comer isso". Escolha preferencialmente o sábado ou o domingo por serem os dias onde a rotina é esquecida. Serão apenas 4 dias no mês que não terão efeitos prejudiciais. Estas orientações lhe trarão mais qualidade de vida e seu corpo agradece. Seu corpo é seu maior patrimônio, portanto cuide dele.

Flavio Sobierajski


Sobre o Bella Politica de Privacidade Política de Cancelamento Programa Afiliados Área do parceiro Imprensa Contato RSS

Preencha o endereço de e-mail utilizado no seu cadastro para receber sua senha